segunda-feira, novembro 24, 2008

Estações de Esqui e o Clima em Edmonton

Dentro da cidade de Edmonton existem várias estações de esqui, inclusive uma bem no caminho da nossa casa. Citando algumas estações da cidade: Rabbit Hill, Edmonton Ski Club e Snow Valley.

Semana passada, sexta-feira, li uma notícia muito inusitada num jornal local, jornal do Metro: "Clima, driblando a mãe natureza". O que a curta matéria falava é que com a falta de neve até o momento, uma das estações de esqui havia ligado as máquinas para "fazer"neve. O fato é que esse ano caiu neve apenas duas vezes mas o clima esquentou na sequência fazendo com que a neve caída derretesse. O detalhe é que o clima ainda está muito oscilante e corre um sério risco da neve que estão fazendo vir a derreter também ;-)

A foto que saiu no jornal está logo abaixo.

Bye, Silvia

quinta-feira, novembro 13, 2008

Criança é uma comédia.


A língua oficial aqui em casa é o Português, por isso a primeira língua de Dudu é o Português, espero que não mude. O Inglês ele só fala na creche ou quando a vizinha puxa conversa com ele. Mas vez ou outra ele saí com umas que é muito engraçado.

Noite passada eu estava sentado a mesa e ele dentro da dispensa da cozinha mexendo em alguma coisa, como de costume. Ele puxou uma caixa de macarrão e outras caixas que estavam por cima começaram a cair. Enquanto ele tentava segurar as caixas, aconteceu o seguinte diálogo:

- Papai vem me ajudar.
Eu sentado estava, sentado fiquei e mandei um beijo pra ele.
- Veeemmmm Papai... (segurando as caixas no sufoco)
Outro beijo mandado
- Beijo não, Veeemmmm.
Outro beijo
- Come on !!!!

Não deu para segurar, comecei a rir e fui lá ajudar o rapazinho.
Abraços,
Luciano.

quinta-feira, novembro 06, 2008

Nut Free

Uma das coisas mais curiosas que eu vejo por aqui é a estória da alergia das pessoas às castanhas, nuts, como chamam por aqui. No grupo das nuts estão, amendoim, castanha de caju, noz, pistache e outras.

Eu sei que existem pessoas que tem alergia a camarão, a poeira, a pimenta, a castanha, a gente feia..., e um monte de outras coisas. O que eu não entendo é o auê que fazem com isso por aqui. Não sei se é porque aqui tem mais alérgicos, ou se esse tipo de ingrediente não se destaca em relação aos demais e não fica evidente na hora de comer e por isso precisa ser “informado”, ou se é frescura, ou tudo isso junto.

O fato é que a maioria dos restaurantes e lanchonetes tem um aviso informando se a comida é livre das castanhas (nut free) ou não, e boa parte dos produtos em supermercado também informa isso. Já vi lugares que dizem, "não garantimos que nossa comida é livre de castanhas, se você for alérgico favor comer em outro lugar!!!"

As propagandas de chocolates gostam de enfatizar quando o chocolate é nut free. As creches pedem, ou melhor, imploram para você não levar nada que tenha castanhas para lá.
Outro dia houve um pique-nique na creche do Dudu e levamos brigadeiro, pra quê? Eu já estava de saco cheio do diálogo:
- Quem fez essas bolinhas chocolate?
- Eu
- É "nut free"?
- É
Isso porque tínhamos escrito o nome (brigadeiro) e os ingredientes do brigadeiro (manteiga, leite condensado e chocolate em pó), nada de castanhas.

Outro dia pediram pizza no trabalho para tudo mundo, quando as pizzas chegaramas pessoas foram se servir, de repente uma mulher corre, pega um papel, e começa a escrever. Fiquei curioso para ver o que era, quando ela termina coloca na caixa de uma das pizzas o aviso, "contém castanhas".

E tudo isso num país onde o pessoal é viciado nas pastas de amendoim e ondea castanha de caju é maior, mais gostosa e mais barata que a castanha do Ceará,apesar deles não saberem o que é um caju.

Vai entender.
Abraços,
Luciano.

sábado, novembro 01, 2008

Halloween ano 2.


Esse foi nosso segundo ano de Halloween, foi bem legal.

Lá no meu trabalho foi engraçado, fizeram uma competição de fantasias, tinha muita fantasia legal. Drácula, piloto de avião (eu), Rapunzel, bruxa, black power, pirata, lutador de sumô. Teve um grupo que foi fantasiado de M&M(aquelas bolinhas coloridas que no meu tempo chamava-se de confete) cada um era uma bola de uma cor.

Houve também a brincadeira da Múmia. Onde as pessoas podiam enrolar outras como múmia usando papel higiênico. A regra era a seguinte:
- Havia rolos de papel higiênico a venda por $10;
- Quem comprasse o papel podia enrolar qualquer chefe de equipe;
- O chefe de equipe por sua vez, comprando outro rolo, podia enrolar qualquer membro da sua equipe.
- Era permitido não participar, para isso a pessoa tinha que comprar um adesivo por $5 e colar na roupa para mostrar que estava fora da brincadeira.
O dinheiro arrecadado foi doado para uma entidade que ajuda crianças carentes.

A noitinha formos com Dudu, fantasiado de Pablo dos Backyardigans, nas casas para pedir os doces e balas. Fomos em várias casas (apesar da temperatua de 6C). Tinha muita casa bem decorada e as pessoas todas fantasiadas esperando as crianças. Dudu ganhou muito chocolate e docinhos e jeito vai ser eu comer porque ele e a mãe não gostam muito de doces.

Após o passeio com Dudu viemos para casa esperar as nossas visitas, tínhamos 40 sacolas de doces, não tínhamos nem idéia quantas crianças viriam pois é uma nova vizinhança para nós. O balanço foi o seguinte as 21 horas entregamos a última sacola. Foi a conta certa, apagamos as luzes como sinal que aquela casa esta fora da brincadeira.

E foi assim o nosso Halloween, abaixo algumas fotos.
Abraços,
Luciano.

video