quinta-feira, dezembro 25, 2008

Feliz Natal !!!

Olá a todos, nós aventureiros estamos sumidos pois estamos visitando um país tropical abençoado por Deus. Mas conseguimos um tempinho para desejar a todos um feliz Natal e um 2009 cheio de aventuras.
Luciano, Sílvia, Eduardo e Rafael.

segunda-feira, novembro 24, 2008

Estações de Esqui e o Clima em Edmonton

Dentro da cidade de Edmonton existem várias estações de esqui, inclusive uma bem no caminho da nossa casa. Citando algumas estações da cidade: Rabbit Hill, Edmonton Ski Club e Snow Valley.

Semana passada, sexta-feira, li uma notícia muito inusitada num jornal local, jornal do Metro: "Clima, driblando a mãe natureza". O que a curta matéria falava é que com a falta de neve até o momento, uma das estações de esqui havia ligado as máquinas para "fazer"neve. O fato é que esse ano caiu neve apenas duas vezes mas o clima esquentou na sequência fazendo com que a neve caída derretesse. O detalhe é que o clima ainda está muito oscilante e corre um sério risco da neve que estão fazendo vir a derreter também ;-)

A foto que saiu no jornal está logo abaixo.

Bye, Silvia

quinta-feira, novembro 13, 2008

Criança é uma comédia.


A língua oficial aqui em casa é o Português, por isso a primeira língua de Dudu é o Português, espero que não mude. O Inglês ele só fala na creche ou quando a vizinha puxa conversa com ele. Mas vez ou outra ele saí com umas que é muito engraçado.

Noite passada eu estava sentado a mesa e ele dentro da dispensa da cozinha mexendo em alguma coisa, como de costume. Ele puxou uma caixa de macarrão e outras caixas que estavam por cima começaram a cair. Enquanto ele tentava segurar as caixas, aconteceu o seguinte diálogo:

- Papai vem me ajudar.
Eu sentado estava, sentado fiquei e mandei um beijo pra ele.
- Veeemmmm Papai... (segurando as caixas no sufoco)
Outro beijo mandado
- Beijo não, Veeemmmm.
Outro beijo
- Come on !!!!

Não deu para segurar, comecei a rir e fui lá ajudar o rapazinho.
Abraços,
Luciano.

quinta-feira, novembro 06, 2008

Nut Free

Uma das coisas mais curiosas que eu vejo por aqui é a estória da alergia das pessoas às castanhas, nuts, como chamam por aqui. No grupo das nuts estão, amendoim, castanha de caju, noz, pistache e outras.

Eu sei que existem pessoas que tem alergia a camarão, a poeira, a pimenta, a castanha, a gente feia..., e um monte de outras coisas. O que eu não entendo é o auê que fazem com isso por aqui. Não sei se é porque aqui tem mais alérgicos, ou se esse tipo de ingrediente não se destaca em relação aos demais e não fica evidente na hora de comer e por isso precisa ser “informado”, ou se é frescura, ou tudo isso junto.

O fato é que a maioria dos restaurantes e lanchonetes tem um aviso informando se a comida é livre das castanhas (nut free) ou não, e boa parte dos produtos em supermercado também informa isso. Já vi lugares que dizem, "não garantimos que nossa comida é livre de castanhas, se você for alérgico favor comer em outro lugar!!!"

As propagandas de chocolates gostam de enfatizar quando o chocolate é nut free. As creches pedem, ou melhor, imploram para você não levar nada que tenha castanhas para lá.
Outro dia houve um pique-nique na creche do Dudu e levamos brigadeiro, pra quê? Eu já estava de saco cheio do diálogo:
- Quem fez essas bolinhas chocolate?
- Eu
- É "nut free"?
- É
Isso porque tínhamos escrito o nome (brigadeiro) e os ingredientes do brigadeiro (manteiga, leite condensado e chocolate em pó), nada de castanhas.

Outro dia pediram pizza no trabalho para tudo mundo, quando as pizzas chegaramas pessoas foram se servir, de repente uma mulher corre, pega um papel, e começa a escrever. Fiquei curioso para ver o que era, quando ela termina coloca na caixa de uma das pizzas o aviso, "contém castanhas".

E tudo isso num país onde o pessoal é viciado nas pastas de amendoim e ondea castanha de caju é maior, mais gostosa e mais barata que a castanha do Ceará,apesar deles não saberem o que é um caju.

Vai entender.
Abraços,
Luciano.

sábado, novembro 01, 2008

Halloween ano 2.


Esse foi nosso segundo ano de Halloween, foi bem legal.

Lá no meu trabalho foi engraçado, fizeram uma competição de fantasias, tinha muita fantasia legal. Drácula, piloto de avião (eu), Rapunzel, bruxa, black power, pirata, lutador de sumô. Teve um grupo que foi fantasiado de M&M(aquelas bolinhas coloridas que no meu tempo chamava-se de confete) cada um era uma bola de uma cor.

Houve também a brincadeira da Múmia. Onde as pessoas podiam enrolar outras como múmia usando papel higiênico. A regra era a seguinte:
- Havia rolos de papel higiênico a venda por $10;
- Quem comprasse o papel podia enrolar qualquer chefe de equipe;
- O chefe de equipe por sua vez, comprando outro rolo, podia enrolar qualquer membro da sua equipe.
- Era permitido não participar, para isso a pessoa tinha que comprar um adesivo por $5 e colar na roupa para mostrar que estava fora da brincadeira.
O dinheiro arrecadado foi doado para uma entidade que ajuda crianças carentes.

A noitinha formos com Dudu, fantasiado de Pablo dos Backyardigans, nas casas para pedir os doces e balas. Fomos em várias casas (apesar da temperatua de 6C). Tinha muita casa bem decorada e as pessoas todas fantasiadas esperando as crianças. Dudu ganhou muito chocolate e docinhos e jeito vai ser eu comer porque ele e a mãe não gostam muito de doces.

Após o passeio com Dudu viemos para casa esperar as nossas visitas, tínhamos 40 sacolas de doces, não tínhamos nem idéia quantas crianças viriam pois é uma nova vizinhança para nós. O balanço foi o seguinte as 21 horas entregamos a última sacola. Foi a conta certa, apagamos as luzes como sinal que aquela casa esta fora da brincadeira.

E foi assim o nosso Halloween, abaixo algumas fotos.
Abraços,
Luciano.

video

quarta-feira, outubro 29, 2008

It's a boy !!!!!!!!!!



Oi pessoal, uma rapidinha para dar as boas novas.

Hoje Sílvia fez uma ultrasonografia e soubemos o sexo do bebê, é um menino!!!

Durante o exame a mulher perguntou, "Você quer saber o sexo do bebê?" Sílvia respondeu que sim, ela então falou "não tem como negar, é um menino, esta muito evidente."

Uhuu, agora só faltam mais 3 para completar meu time de futsal, ou mais 4 para o time de hóquei.

Abraços.
Luciano.

quinta-feira, outubro 16, 2008

Eliminatórias da Copa do Mundo



Hoje fui assistir a um jogo das eliminatórias da copa, Canadá x México.
O jogo foi muito bom, os 14 mil torcedores que foram ao estádio não puderam reclamar da qualidade do futebol. Reclamação só da temperatura de 4C, ninguém estava confortável, mas tinha gente tomando cerveja. Minha reclamação vai para uma torcedora do México gritando o tempo todo no pé do meu ouvido "vamos, vamos, olé, olé (não sei por qual motivo)"
A partida terminou 2x2 com o Canadá sempre a frente. O Canadá jogou bem melhor, teve melhores chances, bola na trave e gols perdidos. O primeiro gol do México foi de falta, que na minha opinião não existiu.
Eu fui de metrô, uma tranqüilidade tanto para ir quanto para voltar. O estádio estava cheio de crianças de todas as idades, eu quiz levar Dudu mas a mãe dele não concordou devido a temperatura.
Os pontos negativos foram:
- Para mulher do estacionamento na Universidade onde parei o carro para pegar o metrô. Eu tenho certeza que dei uma cédula de $20 para pagar, ela me falou que dei uma de $10.
- Pra mim que não comprei o ingresso antecipado por $20 e na hora paguei $27.75
- Ao campo cheio daquelas marcas de futebol americano.
No mais só foi festa.
Sim, o Canadá quase não tem mais chances de ir a copa.
Abraços,
Luciano.

quinta-feira, outubro 09, 2008

Minha Primeira Consulta no Obstetra



Dando continuidade ao meu relato do que tem acontecido aqui comigo com relacao a medicos e gravidez essa semana tive a minha primeira consulta no obstetra. Nao vou negar que estava um pouco ansiosa porque nao sabia se ia gostar do médico, o que ele iria dizer... e o que aconteceu foi o seguinte:

  • Fui com o Luciano, os maridos sao bem recebidos e é super normal ve-los em consultorios e hospitais acompanhando gravidas.
A consulta tava para as 13:00 mas o medico chegou atrasado uns 30 minutos.
A enfermeira antes da consulta tirou a minha pressao e verificou o meu peso.
O meu medico da familia havia encaminhado para o obstetra todos meus dados do que tinha feito ate o momento: exames, dados de consultas e outros.
Tive uma longa consulta, de mais de 1 hora onde o medico revisou comigo tudo o que o meu medico da familia havia encaminhado e fez novas perguntas. O medico foi engraçado, falou sobre o Brasil (futebol, clima...), soltou algumas piadas. Por fim, o resumo da conversa é a seguinte:

  • Ouvimos o coracaozinho acelerado do baby. Essa foi a melhor parte, nao tem preco!

  • O medico mediu a minha barriga, nao sei explicar exatamente o que ele fez mas a medica do Brasil tambem fazia isso.

  • O medico me passou um novo exame de sangue que o meu medico da familia nao havia solicitado.

  • Mudou a data do ultrasom que tinha agendado para novembro. Sera no final de outubro(espero saber o sexo do baby nesse dia) e ja sai do consultorio com a nova data agendada no laboratorio.

  • Farei consultas mensais ate a 32 semana, dai ate a 36 serao duas por mes e no ultimo mes as consultas serao semanais.

  • Me passou uma nova vitamina para eu tomar suplementando o Materna (multivitamina).

  • Disse que posso viajar para o Brasil em dezembro (ainda bem que nao falou o contrario porque ja estamos com passagens compradas) mas falou que ja nao eh o periodo ideal para viagens porque estarei no ultimo trimestre. Dai falou como devo me comportar durante o voo para nao ter problema: beber muita agua, fazer caminhadas, ir ao banheiro… Ele vai dar um documento que deve ser apresentado na companhia aerea dizendo que me liberou para a viagem.

  • Aqui no Canada via de regra eles fazem parto normal, so em casos realmente da gestante ter algum problema eles fazem a cesarea. No entanto, o meu primeiro parto foi uma cesarea e essa eh uma das situacoes nas quais eles podem optar por fazer cesarea. Nessa consulta o obstetra já indicou que eu posso escolher entre a cesarea e o parto normal. Particularmente estou bem inclinada a fazer a cesarea. Falou que no caso de optar pela cesarea eu posso fazer, se eu quiser, a laqueadura. Ainda vamos pensar no caso.

  • O medico sugeriu varios seminarios relacionados com gravidez que posso fazer: amamentacao, cuidados com o bebe e outros. Mas ja fiz todos eles quando estava gravida do Dudu e nao vou querer fazer de novo. A unica coisa que me interessou eh que podemos agendar uma visita ao hospital onde o baby vai nascer, para esse nós iremos, já estou ate com o telefone do hospital para agenda-la.

  • Eu ja ate sabia, mas o medico falou que apos o nascimento do bebe, receberemos a visita em casa de uma enfermeira que ira ver o andamento dos primeiros dias do bebe. Sei que essa enfermeira checa se voce esta conseguindo amamentar o bebe, dá dicas... futuramente vou poder falar mais sobre isso com detalhes.

  • Enfim, acho que foi isso.
Antes de qualquer coisa, gostaria de ressaltar que o meu relato é particular. Tenho duas amigas brasileiras morando aqui que estao gravidas que tem acompanhamento gestacional diferente do meu. Uma delas esta na 8 semana de gravidez e a medica de familia dela disse que so a encaminhara para um especialista (obstetra) no final da gravidez, ate la ela sera acompanhada por essa medica de familia. A minha outra amiga tem um medico de familia que é tambem obstetra, entao, ela nao vai ter que fazer nenhuma mudanca. Outra mudança grande que percebemos aqui em conversas é com relacao a requisicao de exames que varia de acordo medico, idade da gestante, situacao da gravidez… entao, cada caso é um caso.

Mas é isso, sai da consulta realmente satisfeita e aliviada. Espero que continue tudo dando certo.
[]’s Silvia

domingo, outubro 05, 2008

Semana Cultural



Esse final de seman foi um final de semana cultural, como a muito tempo não faziamos.

Na quinta-feira fomos ao Rexall Place assistir ao show da Sheryl Crow e Jim Cuddy, foi bem legal. Um amigo que trabalha em uma empresa que tem um camarote na casa de shows nos chamou pois ele tinha conseguido ingressos para o camarote, falamos com uma amiga para ficar com o Dudu e fomos. Como os shows aqui começam cedo e acabam cedo, às 22:30 já estavamos em casa.

Na sexta-feira Sílvia foi assistir ao show CATS da broadway. Dessa vez não arranjamos com quem Dudu ficar então ela foi só. Eu fiquei em casa com Dudu enquanto ela saiu para ver uns gatos. Segundo ela o show é maravilhoso, faz juz ao nome espetáculo.

Aqui estão os artistas que fomos conferir de perto.
Abraços,
Luciano.

Sheryl Crow



Jim Cuddy


CATS

terça-feira, setembro 23, 2008

Estou GRÁVIDA!

Eu tenho uma pequena/grande novidade para contar aqui… estou GRAVIDA! É isso aí, estou na décima quinta semana de gravidez. Estamos muito felizes com a novidade porque planejavamos aumentar a familia e esse novo bebe era muito desejado. O único que ainda não entendeu muito bem o que esta acontecendo foi o Dudu porque quando falamos em baby, ele acha que ele é o baby, confunde tudo, mas ate o final, com uma barriga maior, ele vai entender.

Após um longo período de sonolência no início da noite, enjoos, muita sensibilidade a cheiros, estou de volta aqui para contar um pouco da minha experiencia de estar grávida no Canadá. Aqui vai o meu relato:

Temos um médico da familia (clinico geral) que conseguimos pouco tempo depois que chegamos ano passado. Ele havia anunciado que estava aceitando novos pacientes (muitos medicos nao aceitam novos pacientes) e tivemos a sorte de ir nele e dele ser muito bom. Quando fizemos a nossa primeira consulta familiar, eu, Luciano e Dudu fomos juntos, e o medico ofereceu fazer um check up na gente para montarmos o nosso historico de saude aqui no Canada. Demorei para fazer esse check up porque tinha feito um antes de sair do Brasil e acabei so voltando la em abril desse ano. Ele ja sabendo da minha intencao de engravidar fez em mim varios exames e ainda solicitou exames de sangue/urina e coracao em laboratorio. Que deram tudo bem. Tambem me receitou para tomar Materna, uma multivitamina que é normalmente indicada para antes/durante/depois da gravidez muito popular por aqui que pode ser comprada em qualquer supermercado. O medico ainda me disse no final dessa consulta que quando eu desconfiasse que estava gravida, fizesse o teste de farmacia, se esse desse positivo que marcasse uma nova consulta para ir nele.

Em agosto, fiz o teste de gravidez de farmácia e la estava o resultado: PREGNANT ;-) EBA! Dai, marquei a consulta no medico e o que ja fiz ate o momento foi:

  • 3 consultas no médico de familia, a de hoje foi a última. Ele ja me encaminhou para um obstetra e partir de outubro passarei a ir nele ate o final da gravidez. A escolha do obstetra foi de acordo com o hospital que eu escolhi. O hospital que eu escolhi é o mais próximo da nossa casa que soube ser muito bom (a esposa do meu chefe eh enfermeira e ela conhece todos os medicos, hospitais e ele me ajudou nesse sentido). Nesse site tem uma lista dos medicos obstetras e dos hospitais daqui: http://www.obgyn.med.ualberta.ca/about/clinicalfac.html. Só posso dizer que torço para que o obstetra seja realmente bom. O meu medico sempre atende pontualmente no horario agendado e as consultas ate o momento foram longas, até de 1 hora, onde ele conversa e explica um monte de coisas. Por antecipação já sei que todos os obstetras costumam atrasar muito para atentar por questões especialmente relacionadas a partos eventuais.

  • Os exames laboratoriais (sangue/urina e outros) são feitos em laboratorio. Para realizar esses exames pode-se agendar com antecedência pela internet ou por telefone, o local/dia/horario desejado. Normalmente faco perto de casa em final de semana para ser mais relaxado para mim. Nao precisei nenhuma vez esperar para ser atendida já que havia agendado previamente mas tambem pode-se ir para o laboratorio sem marcar e esperar ate ser atendido. Da ultima vez que fiz exame vi no quadro que o tempo de espera para aquele dia era de 50 minutos.

  • Fiz duas ultrasonografias e até onde sei farei mais uma com 20 semanas, essa ja está agendada, não sei se farei outra no final. Esse tipo de exame é agendado diretamente pela secretaria do médico, que agenda o dia/local/hora para você e encaminha a requisicao diretamente para a clinica/hospital onde sera feito o exame. Por conta e vontade propria nao pode fazer o exame que deseja, so por requisicao do medico. Com relação a realização do exame, na sala de ultrasom só entra a médica e a paciente (mãe), e a medica fica la uns 30 minutos olhando a sua barriga sem falar nada. Nos dois ultrasoms fiquei la deitada no maior suspense, so tentando entender as caras que a mulher fazia. Após isso ela chama o seu marido (acompanhantes) e mostra o bebe para o casal. A última que eu fiz semana passada eu adorei, bebe se mexendo, cabeção, perninhas/bracinhos se mexendo, coracao batendo forte, ate chorei. Era para ter feito apenas uma ultrasonografia até o momento, fiz duas porque a primeira deu que ainda estava com 10 semanas e 6 dias, o que consideraram muito recente e pediram para repetir.
Como já falamos antes, voce nao pode pegar o resultado do seu exame, eles mandam (laboratorio/clinica/hospital) diretamente para o medico atraves de um sistema de informatica que usam aqui (Ja cai tudo na sua ficha) ou por fax. Na consulta seguinte o medico fala com voce sobre os resultados. So em caso de haver algum problema, o medico ou o laboratorio ligam para voce com antecedencia. Isso foi o que aconteceu comigo com relacao ao meu primeiro ultrasom. O medico viu o resultado do primeiro exame e como tinha sido feito antes de 11 semanas (apenas 1 dia!) solicitou um novo exame antes da consulta seguinte porque considerou que o exame não era confiável. Sendo que ele nada me avisou. Daí o pessoal do hospital me ligou so para confirmar o segundo exame, dando endereco, dia e horario. Tomei um grande susto e eles do hospital nao sabiam obviamente me informar nada. Pensei imediatamente que havia dado algum problema com o bebê ou comigo. Dai liguei no medico que me informou a razao da repeticao. UFA !

É isso, até o momento está indo tudo super bem, Graças à Deus. E agora, passado o primeiro trimestre, me sinto ótima.

[]’s Silvia

sábado, setembro 13, 2008

Elton John in Town


Hoje tem show do astro Britânico, Elton John, na cidade. Infelizmente não poderemos ir. O show vai ser no Rexall Place às 20h, ingressos custam entre $79 a $149.
Abraços,
Luciano.

quinta-feira, setembro 11, 2008

ABC do futebol para brasileiros.



Mais um post sobre futebol :-)
O objetivo não é ensinar ninguém a jogar, vou apenas relatar minha experiência jogando futebol na terra onde nosso esporte favorito chama-se soccer.

Desde que cheguei por aqui que jogo futebol, mas sempre foi uma espécie de futsal, sem muita posição definida.
Esse ano fui chamado para fazer parte de um time de futebol de campo para um torneio outdoor da temporada primavera/verão (parece coisa de desfile de moda mas não é não).

Recebi o convite de um mexicano que trabalha comigo. Beleza, vou na hora, falei. A única coisa que me preocupei foi em comprar minha chuteira. Em nenhum momento me passou pela cabeça saber o nome em inglês da posição que eu jogo.

No Brasil o máximo que a gente aprende sobre o esporte é o nome, soccer e o nome da posição de goleiro, goal keeper, que ninguém chama assim, chama só de golie. Pois bem, o combinado era nos encontrarmos (eu e o mexicano) no campo de jogo, ele iria me apresentar ao técnico e o resto era comigo.

Cheguei no campo na hora marcada mas o mexicano não, o jogo já tinha começado e eu fiquei lá assistindo. O técnico estava conversando com outro cara fora do campo, comecei a prestar atençao na conversa deles. Foi aí que me toquei que não sabia dizer como é volante em inglês.
Como é que eu queria entrar no time e não sabia nem em que posição jogar?

Na conversa do técnico o que eu consegui ouvir/entender foi que o time precisava de 'D', de 'Sweeper' e de 'Stopper'. Ele reclamava que o time só tinha Mid e Foward. Eu tentei decifrar a conversa e entedi que D era jogador da Defesa (zagueiro), Mid era meio-campo e foward atacante. Até ai tudo bem, e o que danado era Sweeper e Stopper? Eu não poderia dizer a ele que jogava no meio-campo senão já tava fora por excesso de contingente, o jeito foi me escalar como zagueiro na defesa.

Quando o mexicano chegou que me apresentou o técnico perguntou, "você joga em qual posição?", prontamente respondi D. Ele todo animado disse "Que bom, estamos mesmo precisando". No outro jogo já fui escalado.

Nesse primeiro jogo não joguei nada. O time adversário era de uns caras da Nigéria, uns caras grandes e rápidos. Não fiz nada, decepção total. Nem para avisar ao pessoal do meio-campo que tinha "ladrão" chegando eu sabia. E ai fazer o quê? Deu tudo errado.

No jogo seguinte, fiquei no banco. Fiquei observando o jogo e percebi que o tal do stopper é o velho e bom volante. Quando o cara que tava jogando de stopper pediu para sair e ninguém se habilitou de primeira, dei um pulo e entrei logo em campo. Aí beleza, joguei bem, fiz o serviço direito. Roubando bola entregando redonda pro meio-campo ou fazendo logo a conexão com o ataque.

O nosso time jogou muito bem terminou em primeiro lugar na primeira fase, mas infelizmente perdemos a semi-final e fomos eliminado do torneio. Mas a experiência foi boa, aqui tem muita gente que joga futebol e bem, incluindo canadenses.

Sim, O sweeper é o mesmo que o líbero. E para avisar ao companheiro "olha o ladrão" você diz "man on".

Abraços,
Luciano.

quarta-feira, setembro 03, 2008

Acarajé em Edmonton


Esse final de semana aproveitando o feriado do dia do trabalho que aqui se comemora na primeira Segunda-Feira de Setembro fomos comer acarajé !!!!

E onde encontra-se acarajé em Edmonton?!!

Como toda e qualquer comida braseira aqui pela cidade, você encontra todos os ingredientes; agora tem que fazer você mesmo!!! É assim com a tapioca, a carne de sol, o mungunzá (canjica em algumas partes do Brasil)...

Para nossa sorte o amigo e compadre Alexandre que tem uma veia culinária forte, estava com disposição para preparar a tal especiaria. Pois bem, ele comprou o feijão, colocou de molho, descascou no dia seguinte e faz a massa do acarajé. Comprou o camarão fez o molho e o vatapá. Nossa participação foi comparecer e comer.

Chegando na casa dele ele colocou o óleo de dendê para esquentar e foi fritando os bolinhos. Ficou espetacular. Para parecer um legitimo acarajé Baiano só faltou uma Baiana vestida a caráter, com um sorriso de orelha a orelha, e cheia de estoria para contar.

Segundo o nosso "cumpade" o mais difícil era o bolinho ficar arredondado. O engraçado da estória foi que durante a fritura a fumaça ficou muito forte dentro da casa. Como as casas aqui tem detector de incêndio o alarme não parava de tocar, ai um corria para o detector para abanar a fumaça e o danado se calar.

Abraços,
Luciano.

sexta-feira, agosto 15, 2008

Protesto.

Esse post é simplemente para protestar, não vai adiantar de nada mas mesmo assim vou fazer o meu protesto.

Nunca dê poder demais a uma só pessoa, sempre que isso acontece a coisa vai desandar uma hora ou outra. Abuso de poder é um problema grave e sério em qualquer que seja o campo de atuaçao, em casa, no trabalho, no governo de um país, etc.

O fato é, de uma hora para outra, acabaram com a lista de discussão Canada Immigration, que existia no yahoo.

Essa lista de discussão existia há cinco anos ou mais e dela fazia parte pessoas que já estão no Canadá (como nós) e pessoas que estão em alguma fase do processo de imigração como nós já estivemos um dia.

Através dessa lista, as pessoas que ainda estavam no Brasil tomavam conhecimento de coisas do dia-a-dia aqui no Canadá. Aquelas coisas que nenhum site do gorverno, nenhuma viagem de turismo vai lhe mostrar. Através da lista sabia-se da existência de blogs, como este aqui que você esta lendo, que querendo ou não ajudam muito quem está de mudança pra cá. Através da lista velhos amigos se encontravam aqui nas terras geladas e novas amizades foram criadas.

É verdade que ultimamente muito assunto besta foi levado à tona e eram muitos os e-mails recheados de "sabedoria", mas isso faz parte de uma lista de discussão.

Não sei o que a conteceu, qual o motivo real, mas a lista acabou. Alguém com poder demais resolveu que a lista tinha perdido seu sentido ou sei lá o quê. Garanto que ela ajudou muito mais de que prejudicou as pessoas, e nada me convence que tenha existido um motivo muito sério que justifique o fim da lista. Para os que ainda estão no Brasil uma pena, pois muito vai se perder do conhecimento que minimiza o choque de uma mudança como essa.


Luciano.

sexta-feira, agosto 08, 2008

O efeito verão

Esse post é só para dar sinal de vida.

O motivo do nosso sumiço é o chamado "efeito verão".
Aqui no Canadá todo mundo fica louco no verão, depois do longo e tenebroso inverno.

Com os dias mais longos e temperaturas acima dos 20C ninguém fica em casa. Os eventos sociais são muitos, é churrasco em parque, em casa, pique-nique, zoológico, futebol, festivais de verão pela cidade, viagens .... e por aí vai.

Assim que tivermos um tempinho escreveremos sobre tudo que rolou nesse verão.
Tem muita estória.


Abraços,
Luciano.

quinta-feira, julho 10, 2008

Como o Canadá roubou o sonho Americano


Esse foi o título da reportagem de uma das revistas semanais aqui do Canadá na semana do Canada Day.

Segundo a matéria da revista o Canadá deixou de viver sob a sombra dos americanos e hoje comparado com os EUA o Canadá é um país onde as pessoas são mais ricas, mais saudáveis, fazem mais sexo, trabalham menos e convivem mais com a família e os amigos.

Aqui esta o link para a reportagem (em Inglês)
Abraços,
Luciano.

quinta-feira, julho 03, 2008

Imigracao para Provincia da Alberta - Processo Acelerado


A maioria das provincias canadenses tem o seu proprio processo de imigracao , com atrativos e facilidades especificas. Elas se utilizam desse artificio para estimular as pessoas escolherem especificamente a sua provincia para imigrar. O objetivo desse post eh falar sobre um processo que eu li esses dias noticiado como novidade e me interessou, se trata de uma atualizacao no processo de imigracao para a Provincia da Alberta.

No dia 19 de junho de 2008, o governo da provincia da Alberta, onde moramos, publicou uma ampliacao no seu programa de imigracao. Duas categorias, trabalho e familia, foram listadas para essa atualizacao. Vou falar aqui apenas sobre a categoria familia (sponsor). Essa categoria significa basicamente que uma pessoa que mora aqui (cidadao ou permanente residente) se responsabiliza financeiramente por outra quando essa for aprovada para imigrante e se mudar para o Canada.

De acordo com o que esta definido nessa atualizacao do processo fala que: cidadoes canadenses ou residentes permanentes vivendo na Alberta podem ser “sponsors” (responsaveis) de parentes proximos no processo acelerado de imigracao para Alberta, Alberta Immigrant Nominee Program (AINP) . O que da a entender eh que esse processo de imigracao tera seu tramite mais rapido que o normal, nao sei exatamente quanto tempo levaria um processo normal e quanto tempo se dara esse “acelerado”, so que eu sei eh que em situacoes normais esse tipo de processo eh conhecidamente lento, muitas vezes leva aaaaanos para finalizar. Essa ampliacao do processo se deu em virtude da enorme falta de mao-de-obra existente aqui.

Segue um resumo dos requisitos minimos que se deve ter para se candidatar ao processo:


































FATORES



CRITERIOS



Relacionamento



Os candidatos que podem solicitar esse processo tem que ser: pai, mae, filho, irmao, irma, tio, tia, sobrinho ou sobrinha de um residente da provincia da Alberta (cidadao ou residente permanente) e viver na provincia da Alberta nos 2 ultimos anos

Responsavel (Sponsor)

Para ser “sponsor” a pessoa tem que ser cidadao ou residente permanente (a no minimo 2 anos) e residente na provincia da Alberta e ter mais de 21 anos.

Idade


O candidato deve ter entre 21 e 45 anos (Se casado essa faixa de idade vale para a esposa e marido).

Habilidade linguistica



Candidato e marido/esposa, ambos, tem que obter: o English Language Testing System (IELTS) com nota minima 4.0 ou Test d’evaluation de français (TEF) com nota minima 3.0

OU Demonstrar ingles ou frances como primeira lingua

OU Bacharelado em Ingles ou Frances

Educacao/treinamento e

Experiencia profissional




  • Nao precisa ter proposta de emprego

  • Ter segundo grau ou algum pos-secundario

E

  • O candidato ou marido/esposa devem demonstrar um dos seguintes itens relacionados com experiencia profissional
      • Minimo de 3 anos de trabalho nos ultimos 4 anos, trabalho exclusivo (full time)
      • Um minimo de 3 anos de escola pos-secundaria no ultimos 4 anos, se for estudo for atividade exclusiva (full time)
      • Uma combinacao dos dois acima

Adaptabilidade

O candidato deve comprovar que tem pelo menos $10,000 CAD e outros $2,000 CAD para cada acompanhante dependente.


Residencia

Tem que demonstrar a intencao de vir se estabelecer na provincia da Alberta.



O sponsor tem que comprovar que pode ser financeiramente responsavel pelo imigrante comprovando que eh empregado, tem pensao privada ou outra fonte regular financeira nos ultimos 12 meses ou pelo menos $15.000.00 dolares canadenses. Uma vez aprovado como imigrante e chegando no Canada, o novo imigrante e sua familia, por um prazo de 2 anos, nao pode solicitar do governo canadense ajuda assistencial. Durante esse periodo o sponsor sera responsavel financeiramente pelo imigrante.

Assim como para o processo federal, esse processo tambem exige exame medico (verifica se a pessoa nao tem AIDS, tuberculose, sifilis) e tambem precisa do comprovante de antecedentes criminais.

Existe uma cota, nao divulgada, com numero maximos de candidatos que serao aceitos por ano para essa categoria de processo. Quando esse numero for atingido, as “aplicacoes” irao retornar e eles irao divulgar isso no website do Governo da Alberta.

Processos de imigracao proviciais consistem de duas etapas: primeiro tem que se solicitar diretamente da provincia uma nominacao/aprovacao (Provincial Nomination Certificate) e so depois, se aceito pela provincia, deve ser feito uma “aplicacao” ao consulado canadense pelo Visto de Residente Permanente. Para se entrar no Canada tem que se ter o visto, segunda etapa citada anteriormente.

Nao sei se tem alguma taxa para dar entrada no processo provincial, nao encontrei essa informacao, mas para a etapa do visto de permanente residente esta nesse site a informacao: Fee Schedule for Citizenship and Immigration Services. Alem de ter que pagar essa taxa, existe custos extra que serao pagos a parte no momento da realizacao do exame medico, requisicao dos certificados exigidos da policia e teste linguistico (IELTS eTEF).

Essa publicacao eh objeto de pesquisa que fiz pela internet. Tentei buscar o maximo de dados, tudo o que achei esta aqui publicado. Para obter mais informacoes e ler fontes oficiais verifique os seguintes links:

Eh isso!

[]'s Silvia



domingo, junho 29, 2008

Valley Zoo


Estamos agora na jornada do verão... é programa para todos os dias e horários. É uma correria sem fim para fazer atividades externas aproveitando o período do ano que está super quente. Tem feito mais de 30 graus.

A sensação que tenho tido é que saimos de férias para o nordeste, exceto pela praia claro, e que temos que aproveitar todos os dias enquanto as férias não se acabam. Com a diferença que férias são apenas 30 dias, esse período com temperaturas excelentes para atividades externas que vai do fim de primavera-verão-inicio de outono leva quase 6 meses. Quando chegar o inverno vamos hibenar junto com os ursos ;-)

Vou começar a publicar os programas que temos feitos para mostrar um pouquinho de Edmonton. Nesse post vou falar sobre o Valley Zoo, que é o zoológico de Edmonton. Ontem fomos visitá-lo. Particularmente adoro esse lugar. Não tem tantos animais e nem é tão grande quanto o de Calgary, mas é excelente para quem tem criança pequena. Dá para andar sem morrer de se cansar e, além dos animais, tem: pedalinho, trenzinho que circula no parque, carrossel, poneis para as crianças passearem, lanchonetes e muita árvore para fazer sombra ;-)

O Dudu AMOU!!! Tá repetindo até agora tudo o que viu ontem e pedindo para ir de novo. Em breve iremos mesmo.

Só a título de curiosidade, aqui vão os preços de acesso ao parque para o período do verão (inverno é mais barato):
  • Criança (2-12) -$4.50
  • Jovem (13-17) - $6.75
  • Adulto (18-64) -$9.00
  • Idosos (65+) - $6.75

Pode-se também adquirir o passe anual:

  • Criança (2-12) -$16.75
  • Jovem (13-17) - $24.00
  • Adulto (18-64) -$33.50
  • Idosos (65+) - $24.00
  • Familia (independente da quantidade de filhos) - $94.00

É isso, o Valley Zoo vale a pena ;-)


Silvia




quinta-feira, junho 26, 2008

No Canadá enforca-se dia de trabalho ou não?



Primeiro de Julho (Terça-Feira) é feriado aqui no Canadá, Canada day.

Aqui no Canadá a regra para feriados a grosso modo é a seguinte, se o feriado não cai na Segunda-Feira ele é automatimante transferido para a Segunda. Porém essa regra não é válida em três casos, Natal, Ano Novo e o Canada Day. Se o Canada Day cai no final de semana ele é transferido para a Segunda-Feira, mas se cai em um dia de trabalho fica por lá mesmo, ou seja, Terça-Feira vai ser feriado mas a Segunda será dia normal de trabalho.


Mas e aí, a Segunda-Feira vai ser enforcada ou o pessoal não faz isso por aqui? Muita gente vai enforcar a Segunda-Feira sim, para ter um longo final de semana. A diferença em relação ao Brasil é que quando alguém enforca um dia de trabalho por aqui esse dia é descontado das férias, que já não são tão longas quanto as nossas ai no Brasil.


Abraços,
Luciano.

sexta-feira, junho 20, 2008

Welcome Wagon


Há um mês em uma tarde de sábado depois que Dudu foi para cama para a soneca, recebemos uma visita inexperada. Tocaram a campanhia e quando fomos ver tinha uma senhora de cabelos bem brancos com uma cesta cheia de presentes. Achamos logo que ela tinha errado o endereço, mas para a nossa surpresa ela realmente estava lá para nos visitar. Ela se apresentou dizendo que era da Welcome Wagon, e que estava lá para dar as boas vindas para nós na nova comunidade.

Mas o que é a Welcome Wagon? Welcome Wagon é uma espécie de associação que atua em todo o Canadá, dando as boas vindas e oferecendo serviços gratuitos a famílias que estão passando por mudanças em suas vidas. Essas mudanças de vida incluem mudança para um novo bairro (nosso caso), planejamento de casamento, espera de bebê, quem está se tornando avô, que recebeu uma promoção no trabalho, ou seja, qualquer mudança marcante na sua vida. Welcome Wagon foi fundanda em Vancouver em Junho de 1930, e agora o serviço está disponível em mais de 500 comunidades em todo o Canadá.


Ainda como parte desse programa recebemos na semana passada a visita de uma moça de uma instiuição financeira. O objetivo da visita foi nos explicar como funcionam as coisas aqui no Canadá, que tipo de benefícios temos, como podemos investir o dinheiro, como começar a fazer a poupança para pagar a Universidade dos filhos, e vários outros esclarecimentos, é uma expécie de "Personal Financial Adviser Tabajara", esse nome fui eu que criei. :-)


Esse trabalho ela faz em duas etapas, a primeira foi conversar conosco para saber o que pretendemos da vida financeira, como é a nossa familia, ou seja, traçar o nosso perfil. A segunda visita que deve acontecer na próxima semana ela vai chegar com algumas sugestões para nós.


Impressionante, não? Foi surpreendente para nos também, nunca que esperavamos por uma visita dessa.....

...Mas voltando ao início da estória, vocês devem querer saber o que tinha na cesta da senhora, nao é? Na cesta tinha de tudo, flores, carta de boas vindas do prefeito, sais de banhos, calendários, descontos em lojas, produtos de limpeza, corte de cabelo gratuito, propaganda de consultórios odontológicos, um mapa da região mostrando onde ficam os supermercados, parques, hospitais, polícia, biblioteca, e muito mais.


Abraços a todos.

quinta-feira, junho 19, 2008

TAM e Air Canada fecham acordo para vôos e uso de milhagens

KAREN CAMACHOEditora-assistente de Dinheiro da Folha Online
http://www1.folha.uol.com.br/folha/dinheiro/ult91u411259.shtml

TAM e Air Canada fecham acordo para vôos e uso de milhagens
As companhias aéreas TAM e a Air Canada anunciaram nesta quarta-feira um acordo operacional de compartilhamento de vôos (code-share) e dos programas de milhagem, que passará a valer até o final do ano.

De acordo com o vice-presidente de Planejamento da TAM, Paulo Castello Branco, o objetivo é ampliar em 20 mil o número de passageiros que fazem a rota entre Brasil e Canadá por ano. Atualmente, são 73 mil por ano.

O acordo permitirá que os passageiros da TAM viajem pela Air Canada de São Paulo para Toronto com conexões para cidades-destino no Canadá, principalmente Vancouver e Montreal.
Do outro lado, os passageiros da Air Canadá poderão utilizar os vôos da TAM para se deslocar pelo Brasil. Além de São Paulo e Rio, a Air Canadá cita como principais destinos Brasília, Belo Horizonte e Porto Alegre.

Daniel Shurz, vice-presidente de Planejamento da companhia aérea canadense, afirmou que o Brasil é o mercado mais importante da empresa na América do Sul. Segundo ele, a rota entre Canadá e Argentina atinge quase 44 mil passageiros por ano, enquanto que para o Chile e Peru vão cerca de 33 mil cada, e para a Colômbia embarcam quase 22 mil.

O executivo afirmou que a partir de 1º de dezembro desse ano a Air Canada vai mudar sua aeronave para a rota São Paulo - Toronto de um Boeing 767-300 para um Boeing 777-300R, ampliando a capacidade em 138 assentos por dia. O vôo decolará de Guarulhos (Grande São Paulo).

"O Brasil é um mercado muito importante para a Air Canadá e tem crescido todos os anos, e deve continuar assim", disse Shurz, citando como motivos para esse aumento a estabilidade econômica do Brasil e o crescimento do mercado de aviação.

A TAM já fez parcerias parecidas com outras grandes companhias aéreas, como por exemplo a TAP (Portugal), United Airlines (EUA) e Lufthansa (Alemanha) --que entra em operação em 1º de agosto.
Com mais essa parceria, a TAM fica cada vez mais próxima de se incorporar à Star Alliance (grupo que reúne 20 das principais companhias aéreas do mundo). Castello Branco admitiu que há conversas com o grupo e as empresas associadas, mas que ainda não há nada de concreto.
Petróleo
O executivo da TAM comentou que a companhia sofre os impactos do aumento do petróleo e afirmou que eles são "obrigados a aumentar as tarifas".
A previsão da empresa é de aumento de 7% nos vôos domésticos e de 5% nos internacionais. O mercado, segundo Castello Branco, pratica em média reajuste em 11,5% nos domésticos e entre 10% e 15% nos internacionais até maio.
O combustível representa entre 35% e 37% dos custos operacionais da TAM.
Já a Air Canada afirmou que o aumento do petróleo forçou a cia a reajustar tarifas e a retirar duas rotas do ar --uma definitivamente, entre Vancouver e Osaka (Japão), e outra durante o inverno, entre Toronto e Roma.
Shurz afirmou também que a companhia vai retirar alguns Boeings 767-200 de operação até outubro, sem precisar o número de aeronaves.

sábado, junho 14, 2008

Dia dos Pais

O dia dos pais aqui no Canadá é comemorado no terceiro domingo de junho. Esse ano o dia dos pais cairá amanhã, dia 15. Sendo assim, junho é um mês farto para mim: dia dos namorados, meu aniversário e, agora, dia dos pais ;-)


Como ainda estamos seguindo o calendário dos dois países para todos os eventos, em agosto seguindo o calendário brasileiro, tenho direito a outro presente de dia dos pais, apesar de toda reclamação de Sílvia. Eu não tenho culpa do dia das mães ser comemorado no mesmo dia aqui e no Brasil ;-)

Feliz dia dos pais a todos.

Abraços,
Luciano.

terça-feira, junho 10, 2008

Tornado em Edmonton

Pois é, hoje a notícia era possibilidade de ter um tornado em Edmonton. Poderia ocorrer um tornado leve que não causaria grandes estragos. No final da tarde as estações de rádio e TV só noticiavam isto. Não sabemos se alguma área realmente foi atingida e se houve algum estrago. Não vimos nada não, só mesmo a chuva.
A imagem acima é uma nota no site do governo.
Abraços,
Luciano.

terça-feira, junho 03, 2008

1 Ano de Canadá


Hoje completamos exatamente 1 ano de Canadá … lembro-me perfeitamente do dia que chegamos aqui em Edmonton, do nosso desembargue, dos nossos amigos nos esperando no aeroporto, dos primeiros dias, das primeiras impressões ... Foram 365 dias de muito aprendizado!

Como já ouvi de outras pessoas, imigrar é nascer novamente porque tem-se que aprender tudo de novo e isso é a mais pura verdade. É preciso ter muito pensamento positivo porque no começo tudo parece perda e muitas vezes dá um sentimento muito ruim, mas com o tempo e reconquistas se volta a ter confiança no que se está fazendo e tudo melhora novamente.

A nossa vinda foi resultado de muitos preparativos e longas horas de planejamento, mas hoje o nosso balanço para esse primeiro ano é muito positivo. O que havíamos planejado foi alcançado, principalmente, conseguimos refazer as nossas vidas aqui.

Sobre morar no Canadá, como muito nos perguntam, na nossa opinião, apesar do frio intenso que faz no inverno, aqui é um lugar muito bom de se viver, seguro, com lindas paisagens, gente amiga e muitas opções de lazer e trabalho. Exceto pela enorme saudade dos familiares e amigos no Brasil estamos felizes aqui. Não sabemos quando tempo iremos ficar mas antes de qualquer decisão sobre voltar para o Brasil, agora que conseguimos nos estabilizar e estabelecer, vamos ficando por aqui para curtir um pouco dos frutos da mudança.

Somos muito gratos a todos os que nos ajudaram durante todo esse ano, especialmente a Deus que sempre esteve conosco, acompanhando e iluminando o nosso caminho.

[]’s Silvia

terça-feira, maio 27, 2008

Nos mínimos detalhes ....

Lembram de um quadro em algum programa de humor que o cara falava "
é porque eu gosto das coisas nos seus mínimos detalhes"?
Pois é, acho que aquele quadro foi baseado na sociedade Canadense.

Aqui tudo tem quer ser especificado nos mínimos detalhes, nada fica subentendido.
Exemplo, você vai no supermercado, ao pagar suas compras a pessoa do caixa sempre vai perguntar "receit in the bag?" para saber se coloca a nota do supermercado dentro do saco ou entrega na sua mão, isso acontece em qualquer compra. Depois de um tempo eu entendi o porquê de todo esse cuidado com a nota. Como aqui é permitido devolver as mercadorias com muita facilidade, você precisa da nota para isso.

Outro exemplo. Você vai a um restaurante, e faz seu pedido, quero um Steak Sandwich. Steak Sandwich é um prato composto de um pedaço de carne assada, batatas fritas e um pão de alho. Aí a pessoa que esta lhe atendendo pergunta como você quer sua carne "mal passada, mais ou menos mal passada, ao ponto, mais ou menos ao ponto, bem passada". Depois ela pergunta vai querer com fritas ou salada, você responde salada, ai lá vem outro leque de perguntas. Qual salada? "Cesar, garden, bla, bla" você ainda tem que saber como é cada salada dessa. Escolhe a salada, ai vem, qual molho? "italiano, queijo, bla, bla" ai você escolhe o molho. Quando você termina de pedir seu prato você já está cansado.

Isso são alguns exemplos, tudo aqui é detalhado. Acho que é por isso que eles criam aquelas metodologias de desenvolvimento de sistemas, cheias de fases, documentos e detalhes. Aí a gente tenta usar no Brasil e não entende porque não funciona direito. Não funcionsa simplesmente porque não faz parte da nossa cultura esse passo a passo das coisas, no Brasil é "depois a gente vê isso" ou "vamos ao que interessa".

Os dois lados tem pontos positivos e negativos....
...Positivos acima de 100 ou abaixo de 100?...
Considerando só os números pares ou só os números ímpares?...
E os números primos? ...

Já tô ficando é doido.


Abraços,
Luciano.

quinta-feira, maio 22, 2008


A festa de São João faz parte da minha vida. Sou nordestino, nascido em Campina Grande e faço aniversário em Junho, não tenho como fugir dela.
Aqui em Edmonton não tem festa de São João, já soube que em Calgary tradicionalmente eles fazem uma, quem sabe a gente dê certo para darmos um pulo lá para conferir.

Apesar de não estar morando no nordeste há mais de 10 anos, eu ainda continuava participando das festas juninas, seja voltando para Campina ou indo para as festas lá em Brasília.

São várias as festas juninas que acontecem na capital federal. Tem para todos os gostos, mas a mais autêntica de todas é sem dúvida "O São João dos Paraíbas".

No São João dos Paraíbas você encontra paraibanos e não paraibanos, muita animação embalada por um forró pé de serra da melhor qualidade, comidas típicas (cuscuz, bode, churrasco, milho, pamonha...), bebida (cerveja, cana de cabeça, quentão e refrigerante...), sem contar com o ambiente agradável e familiar da festa.

Infelizmente ano passado viemos para o Canadá no dia da festa, e esse ano vamos perdê-la novamente. Mas se você mora em Brasília ou vai estar lá no dia da festa não perca porque é bom demais. Só uma dica, se for, corra para comprar os ingressos porque os convites acabam rápido.

Para mais informações da festa ligue para meu amigo Vicente:(61) 8115-1506

São João dos Paraíbas:

Data: 07 de junho de 2008
Hora: 21 horas
Local: Chácara Estrela do Cerrado

Ficarei só na inveja.
Abraços e divirtam-se,
Luciano.

sexta-feira, maio 16, 2008

Primavera


Estive olhando o conteúdo dos nossos posts e observei que boa parte deles são a respeito do clima: calor ou frio. Não sei se para quem está longe ficar lendo sobre isso é chato mas não há como não falar dele morando aqui ;-) Especialmente porque esse foi o nosso primeiro ano no Canadá e as situações as quais passamos foram totalmente novas para a gente. E para não perder o costume, esse é mais um post sobre clima.

Essa semana estávamos conversando com uma amiga canadense e o assunto foram as mudanças ocorridas ao longo do ano ocasionadas pela variação climática e ela acabou nos convencendo que é muito bom ter todas as estações do ano, inclusive o inverno. Além de muitas coisas, é realmente muito legal ver o meio-ambiente e as próprias pessoas mudando ao longo do ano.

Atualmente tem feito dias lindos por aqui, ensolarados e com termômetros acima da casa dos 20 graus (para esse final de semana tem previsão de fazer 30 graus!). As ruas já estão limpíssimas, sem nenhum resquício de lama/terra/neve. A grama e arvores dos parques e ruas já estão verdes, durante o inverno só o pinheiro se mantém verde (essa árvore é chamada de “evergreen”, ou seja, sempre verde). Flores brotando por todas as partes (adoro as tulipas!). Pessoas fazendo cooper/ andando de bicicletas pelas ruas. Os parquinhos e campos de futebol cheios de criança e adultos. As mulheres de saias e shorts minúsculos (e depois falam que no Brasil se usa roupa curta!). Muita gente no quintal de casa fazendo churrasco, onde moramos da para ver porque a maioria das casas ainda esta sem muro, é quase uma obrigatoriedade para quem tem casa aqui ter uma churrasqueira no quintal. Se vê também muita gente cuidando dos jardins das casas, plantando e replantando a grama, flores e arvore. Pelas ruas tem muito carro conversível ou com teto solar e motos dos mais variados modelos. Além de tudo isso, por toda parte tem divulgação sobre 1000 opções de atividades externas para serem realizadas nesse período.

As pessoas parecem numa alegria nunca antes vista, o que nos leva a pensar que elas não são chatas durante o inverno, mas excessivamente alegres na primavera/verão. Todo mundo parece loucamente empolgado para aproveitar o dia (atualmente temos sol até as 09:30 da noite. Cada dia lindo é celebrado como um presente de Deus. A propósito, nós também estamos nesse clima ;-) Tem sido bom ter essa experiência!

Que seja muito bem vinda a primavera.

[]’s Silvia

quarta-feira, maio 14, 2008

Organizando o Guarda-roupa

Seguindo um costume local, final de semana atrasado, fizemos uma limpeza no nosso guarda-roupa. Foram guardados os agazalhos, toucas, luvas, protetores-de-orelha, cachecols, meias, botas e outros. Com a grande diferença climática entre inverno e verão aqui e o enorme volume que as roupas de inverno ocupam se costuma ter dois conjuntos de roupas, as de inverno e as de verão, e, a menos que se tenha um guarda-roupa muito grande, as roupas de inverno são guardadas durante a primavera/verão/inicio de outono.

Tínhamos planejado fazer isso no final de março, ou seja, início da primavera, mas com a instabilidade do clima ocorrida nesse inverno esperamos um pouco mais e só agora guardamos essas roupas em malas no basement (porão) da casa.

Espero que fiquem lá até novembro, pelo menos ;-)

Bye, Silvia


Algumas das roupas em cima do sofá antes de serem guardadas

sábado, maio 10, 2008

Reserva Antecipada

Uma característica muito forte que observamos nas pessoas aqui no Canada é o fato deles fazerem planejamento a longo prazo. Em que sentido? Diria que em todos mas o objetivo desse post é falar sobre o planejamento para se conseguir uma vaga, não a que sobrou, mas a que realmente se quer. Para se conseguir “a minha vez”.

Uma amostra desse planejamento está no fato deles com muita antecedência fazerem o registro do filho numa escola, reservarem uma mesa em um restaurante, comprarem os ingressos para um show... So para dar um exemplo real sobre algumas filas de espera que ja entramos por falta de vaga: creche (2 a 3 anos de antecedência), a play school (6 meses de antecedência), construir um deck no quintal (40 dias de antecedência), ir para um restaurante no final do dia (reserva antecipada de no minimo 1 dia), ingressos para um show infantial (7 meses) e muitos outros. O que posso dizer que muitas vezes isso é um saco. É muita organização para quem não está acostumado, tira toda a espontaneidade das coisas...

Só para contar a última, sexta-feira da semana passada fomos pegar o Dudu no dayhome e ao chegarmos lá, perguntamos para ele: ”Vamos comer pizza?”. Imediatamente ele deu um salto e correu para a porta da casa já nos esperando para irmos embora. Conforme prometido fomos dali para pizzaria muito boa que fica próximo a nossa casa. Estávamos sem reserva porque tivemos a idéia no final da tarde daquele dia e sabíamos que podia dar errado mas enfim tinha dado vontade. Ao chegarmos lá a recepcionista do restaurante nos recebemos e perguntou: “Reserva em nome de quem?” Não precisa dizer que o restaurante estava cheio de reservas e não deu outra, fomos educadamente rejeitados: “Sorry about that!”. Tentamos isso em outras 3 pizzarias não tivemos sucesso. O Dudu a essa altura já chorava e gritava:”PIZZZZZZZZZAAAAAA”. Foi desespero! Por nós teríamos desistido mas por causa do Dudu acabamos indo para uma pizzaria que não é a nossa preferida mas que tinha vagas. Para hoje fiz as reservas na segunda-feira, dessa vez conseguimos comer lá ;-)

Entrando no ritmo local também já comprei os ingressos para irmos a uma peça teatral infantil do “Thomas e Seus Amigos” , que irá ocorrer em novembro desse ano. Acredite! Comprei logo porque para o show dos Backyardigans deixei para comprar na véspera, 3 meses de antecedência, e não pegamos um lugar muito bom no teatro.

Isso o que acontece aqui, os melhores lugares sempre serão rapidamente ocupados, se você não se antecipar não irá consegui-los. Estamos aprendendo e gostando, sempre que conseguimos reservar a NOSSA vaga com antecedencia ;-)

Bye, Silvia

terça-feira, maio 06, 2008

Imposto de Renda



Como no Brasil o último dia de Abril é a data limite para a entrega do imposto de renda aqui no Canadá.

Mas como é a declaração aqui? Para mim a declaração aqui é muito enrolada, nada tem nome, tudo é código, mas com o tempo vamos nos acostumando.
Por exemplo: “Preencha o campo de número 800 no formulário da "receita federal" de nome XLXXDFD, com a informação contida no campo 280 do recibo T4”. Legal né?. Aí para fazer isso você pega o comprovante de rendimentos que a empresa lhe deu (recibo T4) procura o campo 280, pega o valor que tá lá e preenche o campo 800 do formulário da receita. Depois de tudo preenchido, soma-se os valores que são transportados para o campo X do formulário, e por ai vai. Acho que deve ser como se fazia no Brasil há 15 anos atrás pelo menos.

Ao contrario do Brasil, o governo não disponibiliza programa para fazer a declaração, ele disponibiliza formulários e manuais explicativos que ficam nas agências do correio. Você vai lá pega, preenche e manda pelo correio para a receita. O que o governo disponibiliza é um programa para transmissão da declaração. Mas para quê? Se não exite programa para declarar?

Agora vem a parte que eu gostei. Programa existe, mas não é o governo que fornece, são empresas que desenvolvem programas e eles ficam a venda nas papelarias e supermercados. Você compra, instala e faz sua declaração eletronicamente. E qual a vantagem se você tem que comprar o programa?

Primeiro, você tem várias opções (será isso uma vantagem mesmo?!!) , segundo, existem várias empresas que trabalham com isso e essas empresas precisam de funcionários, conseqüêntemente geram emprego. Eu mesmo fiz uma entrevista em uma dessas empresas, achei a empresa bem legal, mas não chegamos a um acordo e preferi ficar onde estou. Mas quando fui declarar comprei o programa dessa empresa. O programa que eu comprei facilitou muito o preenchimento das coisas, mas mesmo assim não pude enviar eletronicamente, porque a primeira declaração obrigatoriamente tem que ser enviada pelo correio.

Depois tudo preenchido imprimi a declaração, fui no correio peguei o envelope que a "receita" desponibiliza e enviei.

Agora é esperar a melhor parte, a restituição.

Abraços,
Luciano.

quinta-feira, abril 24, 2008

Receitas Canadenses



Tenho algumas receitas de coisas que aprendi depois que estamos aqui, que eu acho que são gostosas e irei compartilhá-las com vocês…
Para começar segue a mais fácil de todas: Iogurte com Frutas e Granola. Eh uma espécie de salada de fruta sendo que ao invés do suco de laranja que adicionamos para dar água a salada eles usam iogurte diet. Eh tanto servida no café da manhã ou apos almoço ou jantar como sobremesa.


Iogurte com Frutas e Granola
Ingredientes:
  • Iogurte diet de baunilha, pode ser feito com iogurte natural também
  • Frutas diversas cortadas em pedaços: morango, maçã, banana, amora, uva… (frutas da estação)
  • Granola

Preparo:

  • Alterne camadas de fruta e iogurte
  • Se for prepará-la e servir imediatamente, adicione a granola junto com a fruta na hora de ir montando as camadas.Do contrario só coloque a granola no topo da sobremesa quando for servi-la, para que esteja crocante.

Pode ser servida individualmente como está na foto acima ou em uma grande taça onde cada um pode pessoalmente pegar a sua porção.

Eh isso, muito simples, nao? Espero que gostem, depois mandarei outras.

Sílvia Maria Braga (hahahahahahaha)

quarta-feira, abril 23, 2008

Censo 2008


Ontem recebemos a visita de um funcionário do governo na nossa casa. Assim como no Brasil, estão fazendo em Edmonton um levantamento de dados da população para ajudar no planejamento relativo a trânsito, ruas, recreação, escolas, bibliotecas, centros médicos e outros. Esse levantamento iniciou no dia 01 de abril e irá até final de Maio. Tem propaganda a esse respeito por toda parte.

A pesquisa so levou alguns poucos minutos e as perguntas que o entrevistador nos fez foram:
  • Quantas pessoas residem na casa, ano e mês de nascimento, sexo
  • Se somos cidadãos canadenses
  • Se somos casados
  • Se a casa era nossa e há quanto tempo moramos nela
  • Se temos carro e quantos
  • Se estamos trabalhando
  • Tamanho da residência
  • Se utilizamos da escola publica do nosso distrito

É isso, foi interessante participar da pesquisa ;-)

Silvia

segunda-feira, abril 21, 2008

Inverno novamente


Semana passada chegou a fazer 20 graus positivos e todos estavam felizes com a chegada da primavera/verao, entretanto desde sexta-feira esta nevando loucamente sem parar, ja nevou mais do que durante todo o inverno. Eh muita neve com um vento forte constante. A temperatura maxima historica para esse periodo tem como registro uma media 14 graus positivos mas esta -11 com sensacao de -20 graus. Infelizmente!
So nos resta aguardar ansiosamente a virada do tempo e torcer para que ja venha o verao.
Silvia

quinta-feira, abril 17, 2008

Comidas Brasileiras no Canadá


Nesse último final de semana fomos para Calgary. Essa foi a segunda vez que estivemos lá. Dessa vez nossa viagem foi motivada porque segunda-feira tínhamos uma entrevista agendada no consulado dos Estados Unidos de Calgary. Havíamos solicitado o nosso visto e a entrevista faz parte do processo. Solicitamos em Calgary porque Edmonton não tem consulado e la é a cidade mais próxima da nossa que tem um. Para aproveitar mais a cidade viajamos no sábado pela manhã e retornamos segunda a tarde.

Calgary é a cidade mais populosa da província da Alberta e a terceira mais populosa do país. É uma cidade muito bonita, limpa e com muitas atrações. Tem muita coisa para fazer e visitar por lá. O Dudu gosta dos parquinhos que tem espalhados pela cidade e do zoológico cheio de animais diferentes e espaço para correr.


Nós gostamos muito de Calgary especialmente porque lá é possível matar um pouco da saudade das nossas comidas. Em Calgary tem uma loja de produtos brasileiros que eu adoro: “Brasil with S Brazilian Products", de dois brasileiros muito simpáticos: Carlos e Elisabeth. Tem também uma churrascaria com um rodízio delicioso “Gaucho Barbecue Restaurant”, do Ede Rodrigues, que na minha opinião é IMPERDÍVEL.



Frente da loja Brasil with S



Em frente ao restaurante do Gaúcho

Infelizmente aqui em Edmonton não tem nenhum restaurante brasileiro. É possível encontrar alguns produtos (comida) brasileira em padarias portuguesas e em um mercadinho, mas nada comparado ao que se pode comprar em Calgary. No site do Brased tem outras opções, mas os endereços onde compramos comida do Brasil em Edmonton são:
- Handy Bakery Ltd (8660 -118 Ave)
- Portuguese Canadian Bakery
- Paraíso Tropical (9136 – 118 Avenue)

Sim, a loja “Brasil with S” faz entrega aqui,em Edmonton, por 2 vezes já fizemos encomenda ;-)

Antes que eu me esqueça, conseguimos o nosso visto.

É isso, tivemos um ótimo final de semana.

Sílvia

terça-feira, abril 08, 2008

Edmonton é isso ai...


Estamos oficialmente na primavera, mas aqui em Edmonton você sempre pode ter uma surpresa .

Sexta-feira passada 4 de abril estava um dia muito bom, sol, "calor", a neve da cidade estava praticamente derretida, estavamos conversando sobre a grama que tinhamos que plantar, o jardim da frente da casa. Na nossa rua passou a equipe da limpreza dando uma geral, tiraram terra e lama que tinha pela rua. Tudo uma beleza....

...Eis que chega o sábado, acordamos abrimos a cortina e o que vimos? Neve, muita neve, estava tudo branco, nevou muito e forte, e continuou nevando durante toda a manhã como praticamente não vimos durante todo o inverno. Quando a neve deu uma trégüa e eu fui limpar percebi que ela estava diferente das anteriores bem mais pesada, molhada e grudando facilmente (a neve aqui em Edmonton é bem seca parece areia). Foi a chance de fazer o tão esperado boneco de neve, que ainda não tinhamos feito. Fomos todos lá pra fora e esculpimos nossa obra de arte.


Quanto a grama e ao jardim vamos ter que esperar um pouco mais.

Nossa obra de arte.


Abraços,
Luciano.

sexta-feira, março 28, 2008

60 Minutos (Earth Hour)




Às 20 horas de sábado, 29 de Março pessoas em todo o mundo desligarão as luzes durante uma hora para demonstrar o seu apoio as medidas sobre as alterações climáticas. O evento inaugural "Earth-Hour" foi lançado no ano passado pela WWF, em Sydney, na Austrália e quase 2,3 milhões de pessoas participaram, reduzindo a demanda por energia em 10%. Em 2008, centenas de cidades, mais de 16000 empresas, e milhões de pessoas em todo o mundo se comprometeram a aderir a este movimento. A cidade de Edmonton aderiu a este movimento, e nós aventureiros também.

O que podemos fazer:
1- Inscrever-se no movimento earthhour.org
2- Desligar as luzes em 29 de Março as 20h.
3- Incentivar amigos, familiares a participarem

Esse é só um evento simbólico, temos que fazer nossa parte dia-a-dia.

Então tá combinado. Amanhã lá em casa as 20 horas desligaremos todas as luzes !!!!

Mais informações sobre "Earth-hour" você encotra aqui: http://www.wwf.ca/earthhour/ e aqui: http://www2.earthhourus.org/.


Abraços,
Luciano.

Micos do inverno.

Depois de um longo tempo estou de volta.


Oficialmente o inverno já terminou, agora estamos na primavera. Esse ano fez mais frio e nevou mais nas provincias do leste do que do Oeste. As principais cidades do leste, Montreal, Toronto e Ottawa tiveram um inverno muito mais rigoroso do que aqui. Bom, mas nunca é tarde para relatar o micos do inverno, afinal estamos no Canadá onde o frio e a neve sempre estão presentes em todas as conversas.


Erro 1: Não utilizar sapatos adequados para o inverno.
O sapato adequado para o inverno é bota com o solado antiderrapente. É feio? É, mas só a bota com uma boa meia esquenta o pé e principalmente evita muito escorregão.

Erro 2: Não proteger as orelhas.
Quando o frio tá brabo, nariz e orelha são os primeiros a reclamar, então o proteger a orelha com o casaco, gorro, protetor de orelha ou até mesmo balaclava ajuda e muito a evitar aquela dor na orelha.

Erro 3: Sair de casa sem levar um casaquinho para ambientes fechados.
Aqui o cidadão tem que se comportar como as mulheres, ter sempre um casaco a mão. No Brasil, mesmo num calor de 40C, as mulheres costumam sair de casa levando um casaquinho na bolsa, "pode ser que esfrie..." dizem elas. Aqui o problema é outro, pode ser que para onde você está indo não esteja aquecido o suficiente e você pode passar frio. Exemplo, você está em casa, temperatura ótima de 22C-25C e resolve ir na casa de um amigo, se você colocar só um casacão e uma roupa no estilo da que estava usando em casa e sair pode não ser o suficiente. Pode ser que na casa do seu amigo esteja mais frio 20C, 18C ou até 15C. Nesse caso, ficar com casacão é pura falta de educação, então você tira o casaco e começa a sentir frio, com o casaquinho a mão você não passa aperto, ou melhor frio.

Erro 4: Não utilizar pneus de inverno.
Se o pessoal que mora aqui há muito tempo usa, por que você que nunca dirigiu na neve não vai usar? Aqui a maioria das pessoas tem dois jogos de pneus, um para o verão e outro para o inverno. Existe tambémos pneus all-season (todas as estações), que na minha opnião não servem para nenhuma estação. Eu não comprei pneus de inverno. Resultado, na última neve do inverno rodei com o carro e bati no meio-fio, prejuízo $1500.00. Podia ter gasto metade disso com pneus para o inverno.

Erro 5: Tirar a luva para bater foto. (Esse para mim é o micão)
Essa estória de tirar a luva para bater foto de neve, foto de pinheiro, foto de gelo, foto de tudo que tem haver com inverno quando a temperatura está abaixo dos -15C é coisa de novato. Depois da terceira foto você nota a besteira que fez, os dedos doem muito e aí a luva já não da mais conta do recado. Da vontade de chorar, você pensa que vai perder o dedo.

Erro 6: Tirar a luva para bater foto....de novo!!! (Esse é o mico campeão)
Você sabe que tirar a luva quando o frio tá brabo doe os dedos, mesmo assim você vai lá e faz tudo de novo.

Todos os micos acima foram testados e avaliados pela pessoa que vos escreve. Vamos parar por aqui senão vão pensar que vim para cá só pra fazer besteira.


Abraços.Luciano.