quinta-feira, fevereiro 28, 2008

Sobre crianças, creches e algo mais


As melhores escolas de primeiro e segundo grau onde moramos são públicas, obviamente nem todas as escolas públicas são excelentes, mas daqui as melhores são públicas. No entanto, esse tipo de escola recebe apenas crianças a partir de 4 ou 5 anos por 3 horas por dia e de crianças/adolescentes entre 6 e 17 anos por uma jornada que vai das 08:50 as 15:30 (o horário exato depende de cada a escola). Independente da criança está ou não na escola, se ela tiver menos que 10-12 anos , dependendo da provincia, vai precisar ficar em algum lugar ou com alguém no tempo que não esta na escola ou com os pais, porque aqui não é permitido deixar criancas sozinhas nessa idade sob pena de ser preso por negligência.

Isso já sabíamos antes de vir e estavámos preparados para colocar o Dudu numa creche ao chegarmos aqui. O que não sabíamos, nem imaginávamos, era que a vida para pais, bebês e crianças não é nada fácil quando o assunto se trata de encontrar vagas em boas creches. O que descobrimos é que se voce não tiver feito um planejamento a longo prazo pode ser quase impossível. As melhores creches, digo as realmente BOAS, tem fila de espera (waiting list for spots) de até 3 anos. No caso das creches o normal é colocar o nome do filho na lista de espera da creche desejada quando se descobre que esta grávida!!! Imagina? O que também acontece aqui é que muitas mulheres param de trabalhar por um tempo para ficarem com os seus filhos pequenos, especialmente aquelas que não ganham muito bem e o custo beneficio entre ficar em casa ou sair para trabalhar não compensa. Sem contar que, para as que trabalham, a licença maternidade pode chegar a 12 meses, mas diferentemente do Brasil, a licença maternidade não quer dizer que voce vai receber todo o seu salário durante toda a licença, isso vai depender muito do lugar que se trabalha, mas nomalmente, também depende de onde se trabalha, a licença garante que voce terá o seu emprego de volta quando ela acabar.

Para deixar crianças sob cuidado de alguém existem três opções: babá (chama Nanny em inglês, fácil para a gente por causa do programa Super Nanny), day homes (não muito comum no Brasil) e creche (daycare). Qualquer uma das opcoes é muito cara, particularmente aqui em Edmonton, se comparado ao que podemos ter no Brasil e ate mesmo comparado com outras provincias do proprio Canada. O governo pode ajudar no pagamento de creches e dayhomes pagando subsídio especifico (Child Care Subsidy Program), se voce comprovar que não tem como pagá-la mas independente disso toda crianca, eu disse TODA crianca, obviamente se estiver vivendo legalmente no país, recebe uma bolsa mensal no valor de $100,00 de ajuda de custo (UCCB), que não dá para muita coisa mas é melhor que nada. Além dessa ajuda, dependendo dos rendimentos anuais dos pais, pode-se receber ajudas de custo adicionais (CCTB).

Agora falando detalhadamente das opções que se tem para se deixar criancas:

  • Babá - Ter babá é a opção mais cara de todas, mas é muito usada. Tem propaganda de empresas que trabalham com esse serviço por toda parte. As 3 pessoas com quem trabalho e que tem crianças pequenas ficam em casa com uma babá. E nenhuma dessas babás é canadense, todas vieram para cá através de um programa de intercâmbio (O que não quer dizer que não possa ser canadense, ok?). Trata-se de um emprego como outro qualquer. Mas no caso das empresas de intercâmbio “Nanny” é um programa onde, mulheres normalmente de até 30 anos, se utilizam para trabalhar e estudar em outro país. Esses programas normalmente tem duração de até 2 anos. A babá, no caso, pode ficar responsável somente pela criança (ou crianças) e/ou também por atividades de casa, dependendo do que ficar contratado, e por um periodo determinado, não é dia e noite como as babás no Brasil. A babá pode ou não dormir na sua casa. Se for contratar aqui no Canada através de uma empresa canadense a babá custará em média $1747,00 por mês, mas se ela se hospedar na sua casa, pela hospedagem e alimentação, você pode deduzir $320,00 desse valor. Nem todas as babás aqui vem através de agência, a cabelereira onde cortamos o nosso cabelo trouxe uma nanny, uma conhecida dela das Filipinas, e ela lhe paga $700,00. Alem dessas empresas de intercambio existe um programa de imigracao do governo canadense atraves do qual é possivel contratar trabalhadores temporarios, no caso inclusive uma baba, mas ai ja é uma outra longa estoria que nao vou entrar em detalhes nesse post. Para se contratar uma nanny de outro pais, tem que passar por um processo na imigraçao do Canada e a nanny não pode fazer nenhum outro trabalho extra, apenas trabalhar na casa de quem “a trouxe”. Normalmente esse trabalho é tratado como um outro qualquer, nao é escravidao, e pessoa pode sair a noite e finais de semana para estudar, passear e o que mais desejar. Para quem tem 2 filhos ou mais, vale a pena ja que os custos para manter uma crianca em creche é ainda mais caro. Encontrei no site da World Study, empresa de intercâmbio do Brasil, informações relacionadas com esse tipo de programa que eles chamam de "AuPair" e também achei na Student Travel Bureau falando sobre isso. É bom que se diga que a escolha de uma nanny não é nada fácil, afinal ela ficará responsavel pelos seus filhos na sua casa, precisa ser alguém que realmente goste de crianca, com muita paciência, além da questão de fazer atividades de casa já que aqui não se tem empregada. Outro detalhe é que, se contratada através de agência, se você não gostar da sua nanny, pode solicitar da empresa a substituição dela por outra. Afinal não é favor, é trabalho.
  • Day homes - Dayhomes consistem de mulheres que com permissão do governo (tem fiscalização do governo) para cuidar de até 6 crianças com diferentes faixas etárias ns suas próprias residências. Normalmente mulheres com criancas pequenas fazem esse tipo de trabalho porque assim elas podem ficar com os seus filhos em casa e ganham dinheiro. Nesse caso, normalmente as residencias estão preparadas para receber as crianças, com briquedos, parquinho, lugar para comerem e dormirem e outras coisas mais. As crianças nos dayhomes tem atividades programadas, alimentação, dormem… A Bia, amada amiga do Dudu, filha dos nossos amigos daqui fica em um dayhome e o Dudu passou também a ficar em dayhome desde que nos mudamos para a casa nova. Custam entre $530,00 a $800,00 por mês por criança. Eu não gosto de dayhomes por ter medo de deixar meu filho na casa de gente desconhecida e pelo fato d’ eu achar quase missão impossível cuidar de 6 crianças e ainda da própria casa, mesmo considerando que o pessoal aqui é incansável, literalmente pau para toda obra. Mas no caso do Dudu, ele está ficando na casa de uma amiga nossa, super amorosa, que tem uma comida deliciosa e cuida de apenas 3 crianças mais o bebê dela de 6 meses. Por isso achamos que lá seria a melhor opção para ele. Uma enorme vantagem dos dayhomes com relação as creches é que são menos crianças, sendo assim tem menos risco da sua criança adoecer. Outra coisa é que as crianças também ficam muito mais assistidas na questão de alimentação. Nas creches daqui, digo pela que o Dudu estava, crianças com 1 ano de idade tem que comer sozinhas, isso para estimular a independência. Loucura, nao? Mundo cão mesmo!
  • Daycares - Desde que chegamos eu vinha batalhando diariamente por uma creche realmente boa mas é dificílimo conseguir vaga da noite para o dia, como eu disse anteriormente as boas creches possuem uma longa fila de espera é preciso esperar a bendita fila de espera andar para chegar a sua vez. Isso porque as creches tem permissão para ter apenas uma quantidade limitada de criança por faixa etaria e seguem isso a risca porque são fortemente fiscalizadas. Então não tem como utilizar-se do jeitinho brasileiro para resolver a questão, para entrar uma criança na creche, se ela estiver "cheia", so esperando alguma criança sair para assim "criar" uma vaga. Novas creches são raras por causa da pesada fiscalização do governo para liberar consessões. Ao contrário do Brasil que tudo o que você precisa para deixar o seu filho numa creche boa é ter dinheiro para pagar, aqui se você não tiver feito um longo planejamento não vai conseguir. Outra coisa tambem, ao contrário do Brasil, é que as escolas/creches não são elitistas, qualquer crianca fica em qualquer creche, já que as pessoas com menos rendimentos possuem ajuda de custos para efetuar o pagamento. Aqui as creches custam entre $640,00 e $ 1000,00 (variando principalmente de acordo com a idade, bebê com 6 meses costuma ser mais caro).

O Dudu estava em creche até duas semanas atrás, ele adorava, chorava para não ir embora todos os dias mas eu não gostava especialmente da comida servida, entre outras coisas. Agora que ele está no day home da nossa amiga e, para esse momento, estamos, especialmente o Dudu tenho certeza, muito contentes. Ela realmente cuida dele, está preocupada com o fato dele comer ou não e outras coisas que não se tem em creche. O Dudu está com o nome na lista de espera de varias creches de Edmonton mas hoje não tiraria ele de onde ele está para colocá-lo em um creche. O que estamos querendo é coloca-lo em um “play school” (denominação para programas em escolas para crianças na faixa etária de 3 – 4 anos) a partir de setembro para ele fazer atividades e brincar por algumas horas por dia mas o restante do dia ficar no dayhome que ele está hoje.

É isso, se um dia planejar vir morar em Edmonton e tiver filho pequeno, coloque o nome dele na lista de espera desde hoje.

Bye, Silvia

OBS: Links para algumas das melhores creches de Edmonton, na minha opinião:

16 comentários:

Anônimo disse...

olá Sílvia,que bom que o Dudu colabora,se adaptando rápido,Sílvia,dedé e lulu estao programmando mandar Lalá pra o canadá no meio do ano,ainda não sabem qual será a cidade,ela irá por uma empresa de intercambio passar 6 meses,depois te falo qual será a cidade,beijos e tudo de bom.Juluana Sobral

Ana disse...

Oi, Silvia! Prazer em conhece-la!! Essa coisa de day care aqui eh uma luta mesmo! Ainda bem que conseguimos achar uma opcao legal pra Laura. Mas agora que to gravida, vou ter que entrar na lista de novo... hehehhehe

Denise Dal Porto disse...

Oi Silvia
Eu sou a Denise que vive alugando voces a um tempao! rsrsrsrsrs
Passei por aqui para agradecer pelos esclarecimentos das duvidas principalmente com relacao aos filhos! Obrigada tambem pela paciencia...
O Gabriel esta muito bem... enfrentando quase as mesmas dificuldades do Dudu. Por isso foi muito bom conhecer voces, pois nos ajudou a evitar muitos problemas antes da chegada em Toronto.
Nao liguei para vc porque sei como deve ser corrido... se vier aqui em Toronto venha nos conhecer!
Abs
Familia Dal Porto

meg disse...

Ola, boa tarde. Meu nome e Magali Parra moro e trabalho no Brasil, sou professora e pedgoga e tenho muitos anos de experiencia com crianças.. Estou procurando uma oportunidade de trabalhar e morar no Canada como nanny, estou cadastrada em varios sites de aupair e nannys mas ate agora nada... Gostaria de conseguir uma oportunidade e espero encontar uma familia bacana para trabalhar.. Alguem poderia me ajudar??? Aguardo conato pelo email.: malupaizi@hotmail.com Abraços

meg disse...

Ola, boa tarde... Meu nome e Magali Parra , moro no Brsil e estou tentando encontar um emprego no Canada como nanny, sou professora , pedagoga e tenho muita expereiencia com crianças alem de ama-las muito...
Estou cadastrada em sites de aupair e nanny mas ate agora nada , sou evangelica e quero muito a oportunidade de morar e trabalhar no Canada... Sera que alguem poderia me ajudar??? guardo contato meu emila e: malupaizi@hotmail.com... /abraços

meg disse...

Ola, boa tarde... Meu nome e Magali Parra , moro no Brsil e estou tentando encontar um emprego no Canada como nanny, sou professora , pedagoga e tenho muita expereiencia com crianças alem de ama-las muito...
Estou cadastrada em sites de aupair e nanny mas ate agora nada , sou evangelica e quero muito a oportunidade de morar e trabalhar no Canada... Sera que alguem poderia me ajudar??? guardo contato meu emila e: malupaizi@hotmail.com... /abraços

cami disse...

Olá me chamos camily suris, se vcs tiverem orkut me adicionem.
eu li as aventuras canadenses, amei.
Gostaria de ser babá no canadá, moro em torres, sou formada em Magiste´rio tenho 19 anos, vocês poderiam me mandar alguma agencia segura, ou até mesmo uma familia que esteja precisando de babá.
Muito obrigada pela atenção!!! surisurf@hotmail.com

iRentCanada disse...

Hi, I just wanted to say thanks to iRentCanada.ca. Yesterday I was practically pulling my hair out searching through

dozens of newspapers, and several online rental property website before I came across www.iRentCanada.ca. I have

never seen such a great site, and so easy to use. iRentCanada has so many awesome ways to search for rental

properties. Within seconds I found my new place. Their Ad detail page is so detailed, that just by reading the

description, seeing the apartments on the map, and seeing usually more then 15 large photos, there was no need to

run around town seeing hundreds of apartments for rent in Toronto. And you can feel confident that if it's for rent

it's on iRentCanada. Long story short, thank you iRentCanada. In total it took me 5 minutes to search, find what I

was looking for and even contact the landlord. A trul
I definitely agree with what the other guy said above. I mean then again who am I to say. It's his opinion anyways.
" Apartments for rent in Toronto "
apartments for rent in Toronto |

Toronto apartments for rent
| | Toronto apartment rentals
www.irentcanada.ca

Thanks
www.iRentCanada.ca
Mike G

Anônimo disse...

Obrigado por Blog intiresny

Roberta disse...

Silvia, muito obrigada pelo blog informativo e esclarecedor!!! Estou realmente muito grata, porque não consegui muitas informaçoes sobre as creches no canadá, e as que encontrei não entendi muito bem. Principalmente a diferença entre homecare, daycare, play school, kindergarten... Estou indo com meu marido e filho de 1 ano e 9 meses para Calgary em junho e estou aflita em relação a creche. Aqui no Brasil ele fica em uma creche muito boa e tenho medo de não conseguir uma tão boa em Calgary quando chegar. Seu blog já me ajudou muito. Obrigada, Roberta, Heitor e Arthur

Unknown disse...

Parece que a questão das creches é mesmo uma dificuldades em todas as províncias: meus 2 filhos es~toa há um ano na fila em Quebec e nada. ANo que vem estamos nos mudando para Edmonton e é bom ter uma idéia de como funcionam as coisas por ái. Obrigada pelo blog (mto difícil achar informações de brasileiros em Edmonton). Obrigada!

Unknown disse...

Parece que a questão das creches é mesmo uma dificuldades em todas as províncias: meus 2 filhos es~toa há um ano na fila em Quebec e nada. ANo que vem estamos nos mudando para Edmonton e é bom ter uma idéia de como funcionam as coisas por ái. Obrigada pelo blog (mto difícil achar informações de brasileiros em Edmonton). Obrigada!

Anônimo disse...

Boa Tarde Sílvia,

Tenho algumas dúvidas, se puder responder ficarei muito grato.
Eu e minha esposa pretendemos nos mudar pra Calgary, AB. Temos uma filha de 04 anos, não fala nada de inglês. Ela deverá frequentar uma escola padrão com crianças "nativas" ou existe algum tipo de escola para brasileiros? Fico pensando no caso de ter que matriculá-la com crianças que só falam inglês, a adaptação dela poderia ser bem mais traumática.
Outra dúvida cruel é: li em alguns sites que existem listas de esperas enormes para conserguir vagas nos Kindergarters, mesmo sendo os pagos, isso procede?
Eu e minha esposa ficaremos fora o dia inteiro e os valores para escolas integrais também estou achando muito elevado, entorno de C$ 1.000,00 , a média é essa mesmo?

Desculpe pelo post enorme.

Mais uma vez obrigado.

Atenciosamente,
Isaque

NOS NA CALIFORNIA disse...

Silvia.
Sou brasileira, tenho 53 anos e tenho formação em jornalismo. Trabalhei por 30 anos para o governo brasileiro e estou aposentada. Gostaria de mudar para o Canadá e aprimorar o idioma inglês. Possuo referências pessoais e institucionais. Tenho experiência com crianças pois sou também avó e mãe. Tenho disponibilidade para sair do Brasil. Você conhece alguém ou alguma família brasileira que esteja precisando dos serviços de nanny. Gostaria de morar com a família e ter um tempo, que pode ser a noite, para estudar.
Agradeço a atenção e aguardo sua resposta.

Anônimo disse...

Silvia.
Sou brasileira, tenho 53 anos e tenho formação em jornalismo. Trabalhei por 30 anos para o governo brasileiro e estou aposentada. Gostaria de mudar para o Canadá e aprimorar o idioma inglês. Possuo referências pessoais e institucionais. Tenho experiência com crianças pois sou também avó e mãe. Tenho disponibilidade para sair do Brasil. Você conhece alguém ou alguma família brasileira que esteja precisando dos serviços de nanny. Gostaria de morar com a família e ter um tempo, que pode ser a noite, para estudar.
Agradeço a atenção e aguardo sua resposta.

República Metrô Carrão disse...

Olá!! Muito legal seu post!! Vou para Victória BC com visto para trabalho e meu marido vai com visto para fazer um college e trabalhar após terminar o college, temos uma filha de 2 anos, eu queria realmente abrir um Daycare Family, vi o site da proviencia, mas não fala nada nada sobre um imigrante abrir um Daycare... você pode me ajudar, sabe me dizer se posso abrir e com qual tipo de visto? Abraço, Léia